RACISMO DE MIM

Racismo que mal é esse

De intelectuais e ignorantes? Doe e machuca Exclui e maltrata

Racismo entre iguais e diferentes Quanta distância Racismo Institucional, individual, coletivo Nacional e internacional

Racismo mata Aleja, proíbe, inibe e destrói Que mal é esse? Até quando irá durar?

Todos a se juntar, pobres e ricos, num só clamor Corpos aniquilados Colonizados, adestrados pelo preconceito Corpos maltratados pelo racismo

Quem proíbe e quem impede A rainha de reinar A beleza de desfilar o cantor de cantar a energia de se manifestar os corpos colonizados, pôs- colonizados de se libertar

Racismo, BASTA. Tolerância e intolerância já não tolero.

Quero viver sem ser olhada De forma esquisita Sem me justificar ou me justificarem Se é racismo

EU JÁ CISMO.

De Gedalva da Paz Poeta e escritora

4 de dezembro de 2020 Gedalva da Paz Pedagoga, Psicopedagoga Junguiana, Terapeuta em Análise Corporal Bioenergética, Mestra em Desenho, Cultura e Interatividade com foco em Autoconhecimento, Doutoranda na UFBA Análise Cognitiva.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

No dia 7 de janeiro é celebrado o dia da Liberdade de Cultos. Essa data foi escolhida em homenagem à primeira Lei criada no Brasil referente a possibilidade de os cidadãos exercerem livremente a práti

Fragmento do Poema PIEDRA DE SOL —¿la vida, cuándo fue de veras nuestra?, ¿cuándo somos de veras lo que somos?, bien mirado no somos, nunca somos a solas sino vértigo y vacío, muecas en el espejo, h

LEMBRA O NOME DE SEU PRIMEIRO PROFESSOR? Euzébia. Era o nome da primeira! Ela me pegou pela mão e me apresentou ao “mundo das letras e números”! O Método era Casinha Feliz – tão contestado, posteriorm